Frase

"A Revolução Francesa começou com a declaração dos direitos do homem, e só terminará com a declaração dos direitos de Deus." (de Bonald).
São Paulo, domingo, 1 de fevereiro de 2009

Símbolo dos Chouans em manifestação contra o aborto

Autor: Edson Oliveira   |   16:24   Seja o primeiro a comentar

No mês passado, cerca de 20.000 franceses foram as ruas para protestar contra o aborto. Para saber mais sobre o evento, clique aqui.

Nas fotos ao lado, vê-se o uso de bandeiras da França com o símbolo dos Chouans (O Sagrado Coração com a cruz em cima), que foram a resistência católica contra a Revolução Francesa no século XVIII e XIX. A mesma Revolução que pleiteou a liberdade total, utilizada hoje pelos abortistas como argumento para legalizar o aborto: "Free Choice".

Os Chouans foram massacrados pelo ódio anti-católico das tropas revolucionárias e as últimas resistências foram esmagadas por Napoleão, que era tido como um jacobino por Cadoudal, General chouan. Detalhe: a enorme maioria dos chouans eram simples camponeses.

Estranho como nossos professores de História não perdem oportunidade para inventar fatos - ou exagerar outros - sobre a inquisição católica e ao mesmo tempo parecem nem se importar com o que ocorreu com os Chouans.

Vejam uma frase que nossos professores - refiro-me aos que se deixam levar pela onda anti-cristã da análise Histórica - adorariam ver na boca de um inquisidor:

« On emploiera tous les moyens de découvrir les rebelles : tous seront passés au fil de la baïonnette ; les villages, métairies, bois, landes, genêts et généralement tout ce qui peut être brûlé, sera livré aux flammes. » (Tradução livre: “Empregar-se-á todos os meios para descobrir os rebeldes: todos serão passado ao fio da baioneta; as aldeias, as propriedades, as madeiras, as vassouras e geralmente tudo aquilo que pode ser queimado será entregues às chamas. ”)

Acontece que essas palavras foram pronunciadas por Turreau, General do Oeste do exército revolucionário, responsável para combater aos Chouans.

Mesmo tendo quase desaparecidos, os Chouans ainda existem na consciência de muitos franceses. E, como disse churchill, "a França está dividida por um mar de sangue".

0 comentários: