Frase

"A Revolução Francesa começou com a declaração dos direitos do homem, e só terminará com a declaração dos direitos de Deus." (de Bonald).
São Paulo, quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Moral católica e combate à Aids

Autor: Edson Oliveira   |   08:21   4 comentários


Nas últimas semanas, a mídia deu grande destaque a repercussões das palavras de Bento XVI, em seu livro-entrevista Luz do Mundo, sobre o uso de preservativos em determinadas circunstâncias.

A interpretação geral da mídia foi de que a Igreja mudou sua posição e agora permite o uso desses pseudo-profiláticos, em certos casos. Alguns teólogos e dignitários eclesiásticos de alto nível adotaram a mesma posição, causando confusão entre os católicos.

Obviamente, tais posições são injustificáveis do ponto de vista da Moral natural e da doutrina católica.

Baseado nos princípios tradicionais da Moral católica e da Lei natural, o Instituto Plinio Corrêa de Oliveira (IPCO) formulou algumas considerações a respeito das implicações morais do uso do preservativo, levando previamente em conta o que dizem a ciência e a experiência quanto aos resultados de tal uso.

Clique aqui e leia o texto no site do IPCO

São Paulo, quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Um santo natal

Autor: Edson Oliveira   |   20:10   3 comentários


Este blog deseja a todos um santo Natal e um ano novo sob a proteção do olhar de Nossa Senhora que no dia 25 de dezembro trocou seu primeiro olhar com o menino Jesus na gruta de Bélem.


Es ist ein Ros entsprungen

Es ist ein Ros entsprungen
Aus einer Wurzel zart.
Wie uns die Alten sungen,
Aus Jesse kam die Art
Und hat ein Blümlein bracht,
Mitten im kalten Winter,
Wohl zu der halben Nacht.

Das Röslein das ich meine,
Davon Jesaias sagt:
Maria ist's, die Reine,
Die uns das Blümlein bracht.
Aus Gottes ew'gen Rat
Hat sie ein Kind geboren
Wohl zu der halben Nacht.

Das Blümelein so kleine,
Das duftet uns so süß,
Mit seinem hellen Scheine
Vertreibt's die Finsternis.
Wahr' Mensch und wahrer Gott,
Hilf uns aus allem Leide,
Rettet von Sünd' und Tod.

O Jesu, bis zum Scheiden
Aus diesem Jammertal
Laß Dein Hilf uns geleiten
Hin in den Freudensaal,
In Deines Vaters Reich,
Da wir Dich ewig loben.
O Gott, uns das verleih.

O harem do Sultão, o pobre imbecil e nossa geração

Autor: Edson Oliveira   |   18:26   6 comentários

Ivan Rafael de Oliveira

A
s noticias que se lêem do presente bem podem indicar a realidade em que vivemos, mas muitos fatos do passado nos fazem entender melhor algumas conseqüências dessa realidade. É por isso que convido o leitor a conhecer um fato pouco conhecido da história.

Não vamos voltar muito, apenas até o inicio do século XX, mais propriamente em 1918, durante a Primeira Guerra Mundial.

Quando algumas complicações de guerra levaram os imperadores da Áustria-Hungria, Carlos de Habsburgo e sua esposa Zita, a fazerem visitas a seus aliados, tiveram de passar também pela Turquia. Ao chegar em Constantinopla, atual Istambul, foram recebidos pelo Sultão Otomano Mehmed V.

Qual não foi a decepção de Carlos e Zita ao se depararem com um monarca que nada correspondia com as fábulas arabescas. Um homem de pernas tortas, cujos olhos piscavam timidamente enquanto os lábios sorriam bobamente, sempre amparado por dois lacaios que o guiavam. O grão-senhor da “Sublime Porta” era um simples imbecil, que apenas tartamudeava. Sua história desafiava toda ficção.

Após essa surpresa, o guia lhes explicou o caso em poucas frases.

Abdul Hamid II foi o antecessor e irmão mais velho de Mehmed V. Também conhecido como o Sultão Vermelho por ter mandado exterminar cerca de 400 mil armênios, nos chamados massacres hamidianos. Ele não era popular devido a sua crueldade e se via cercado de inimigos que tramavam a sua deposição. Sua desconfiança voltava-se particularmente contra seu inofensivo irmão Reshid, futuro Mehmed, em que Abdul via seu provável sucessor. Uma vez que nenhum mal podia ser feito a este que era ainda um menino, tornava-se necessário destruí-lo por algum meio oculto. Matar? Prender? Torturar? Não ficaria bem. Conhecedor de todas as praticas bestiais, Abdul rapidamente descobriu a melhor solução para inutilizar o rapaz.

Reshid foi trancado numa prisão. Mas não uma prisão comum: ele ficou preso no próprio harem real. Durante nove anos o rapaz ficou a se “distrair” da única maneira possível em tal lugar. Quando finalmente o soltaram de seu orgíaco cativeiro, ele era esse pobre imbecil.

Ao concluir a história, o próprio guia afirmou que uma cela de prisão a pão e água teria feito menos mal.

***

Mas o que tem esse fato com qualquer coisa do presente? Alguém pode perguntar.

A Resposta é simples. O fato narrado é real, o desregramento moral de Mehmed produziu nele a imbecilidade. E o que houve com esse rei em larga escala, pode estar acontecendo com a sociedade atual em marcha mais lenta.

Pelo acompanhamento diário das notícias não nos faltam exemplos para ver o quanto a imoralidade, a pornografia e a promiscuidade vão se tornando cada dia mais corrente e aberto na sociedade. As próprias crianças vão sendo acostumadas a essas coisas cada vez mais cedo. Basta ver como são os programas do governo que tratam do assunto a pretexto da prevenção da AIDS, o modo como essas coisas são tratadas por despudorados professores escolares, a apresentação das propagandas comerciais em todos os ramos da mídia, e até mesmo o modo como muitas vezes os próprios pais ensinam aos filhos.

Concomitantemente a capacidade de concentração das atuais gerações vai minguando – que o confirmem os professores!

Haveria realmente alguma ligação da imoralidade com a “burrificação” da sociedade?

Coincidência ou não, as duas estão caminhando. E a sociedade vai tomando o rumo do pobre imbecil, Mehmed V.

São Paulo, domingo, 19 de dezembro de 2010

Quem está na foto? Quinta foto da série

Autor: Edson Oliveira   |   23:31   4 comentários

Dica: França
Hoje publico a quinta foto da série "Quem está na foto?".

Participe, acerte e concorra a um prêmio. Leia no final deste artigo como participar. O tempo para responder é até a próxima publicação (em geral sete dias).
_______________________________

Resposta correta da foto publicada na semana passada:


Frederik André Henrik Christian, Príncipe Herdeiro da Dinamarca

Leitores que ganharam um ponto por acerto:

Aline Michele
Vladimir Lachance
Ponto por divulgação:

Aline Michele

Total de pontos por acerto

Ivan Rafael - 3 pontos

Aline Michele - 3 pontos

Vladimir Lachance - 2 ponto

Rodney Eloy - 1 ponto

Paulo Badek - 1 ponto

Total de pontos por divulgação

Aline Michele - 4 ponto

Rodney Eloy - 1 ponto

_____________________________________

Acerte e concorra a um prêmio. Como funciona?

No final da publicação de 25 posts da série "Quem está na foto?":

1) O leitor residente no Brasil que mais acertar ganhará de presente um exemplar do livro sobre o príncipe brasileiro "Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança" (*) de Armando Alexandre dos Santos (figura da capa do livro ao lado).

2) Quem indicar as postagens desta série através de Blogs (não vale comentários em blogs), Facebook, Orkut, Twitter ou sites (e-mails não contam), ganhará um ponto por publicação (envie-nos um "comentário" com o link para conferirmos) e no final quem tiver mais pontos também ganhará um exemplar do livro.

São duas formas diferentes de concorrer.

A cada nova publicação, em geral semanalmente, será divulgada a resposta correta da foto anterior e o nome das pessoas que acertaram.

Todas as fotos serão de personalidades da nobreza. Em cada uma delas haverá detalhes que indicarão algo sobre a pessoa, como, por exemplo, na fotografia desta semana, as bandeiras.

Como participar? Cadastro no Blogger!

Não é necessário nenhum cadastro conosco. Apenas tenha uma conta no Blogger para podermos indentificá-lo. Respostas anônimas ou sem conta Blogger não serão aceitas como válidas. Do contrário, quando acabar, qualquer um poderá nos enviar um e-mail dizendo ser o vencedor.

Para responder, basta fazer um comentário na postagem da fotografia. A resposta do leitor, é claro, não será publicada até a postagem da próxima foto.

Na resposta, deverá conter o nome correto e o título de nobreza da pessoa fotografada.

No final da série de 25 fotos, quem tiver mais pontos por acerto ou indicação ganhará o prêmio.

Qualquer dúvida, me escrevam.

(*) Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança: Edição restrita, de luxo, em papel de alta qualidade, com dezenas de fotografias, muitas das quais inteiramente inéditas. É uma biografia completa do Príncipe, baseada em sólida documentação e revelando inúmeros fatos pouco conhecidos de sua vida. Seu papel na vida política do País; seu relacionamento com os monarquistas brasileiros; suas provações durante a Segunda Guerra Mundial; as dificuldades econômicas que precisou enfrentar ao longo da vida; suas atividades artísticas; o empenho que teve para, juntamente com sua digníssima Esposa, Princesa Da. Maria da Baviera de Orleans e Bragança, educar seus doze filhos como autênticos Príncipes brasileiros - tudo isso é exposto neste livro encantador, que se lê como um romance apaixonante.

São Paulo, sábado, 18 de dezembro de 2010

Aborto para encobrir a promiscuidade sexual - Ligue 100 e proteste contra as declarações do governador do Rio de Janeiro

Autor: Edson Oliveira   |   20:42   Seja o primeiro a comentar

“Quem aqui não teve uma namoradinha que teve de abortar?”, perguntou o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral.
De acordo com os jornais Folha de São Paulo, Valor e Estado de São Paulo, de 15 de dezembro, o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), voltou a defender uma ampla descriminalização do aborto.

A declaração foi feita em São Paulo, em encontro com empresários no seminário sobre oportunidades de negócios promovido pela Revista Exame para debater as oportunidades que a Copa e as Olimpíadas devem levar ao Rio de Janeiro. Nessa ocasião, o governador fluminense enveredou seu discurso sobre a necessidade de reformular a legislação, segundo ele, “errada, falsa e hipócrita” sobre o aborto.

Divórcio entre o Brasil real e o Brasil político

“Vamos pegar países onde a religião tem um peso significativo: Espanha e Portugal, só para citar a Península Ibérica. Itália, França, EUA, país protestante, Grã-Bretanha. Será que esses países gostam menos da vida do que o povo brasileiro?”, perguntou o governador como se a religiosidade fosse algo que os políticos laicos europeus levassem em consideração na hora de legislar.

Mesmo no Brasil esse divórcio entre o mundo político e a população é palpável. Exemplo disso é o próprio Sérgio Cabral que contrariando os 82 % dos brasileiros que se declararam contrários ao aborto, conforme a pesquisa recente do Vox Populi, defende a ampliação dos casos de aborto não penalizados pela legislação brasileira.

Aborto para encobrir a promiscuidade sexual

Dirigindo-se aos empresários em termos que chegam a ser chocantes, disse o governador: “quem aqui não teve uma namoradinha que teve de abortar?”

Em 2007, Cabral defendeu o aborto como política de segurança pública e chamou a favela da Rocinha de “fábrica de produzir marginal”. Agora quer a ampliação do aborto como meio de encobrir a promiscuidade sexual.

Nesse mesmo discurso em que afirmou haver “muita hipocrisia no Brasil”, o governador disse que “ninguém é a favor do aborto”.

Clique aqui, acesse o site do Instituto Plinio Corrêa de Oliveira e veja como protestar contra essas declarações que defendem a ampliação do aborto para encobrir a promiscuidade sexual.

São Paulo, sábado, 4 de dezembro de 2010

Legislação para tipificar o terrorismo poderia criminalizar movimentos sociais, diz governo

Autor: Edson Oliveira   |   22:59   19 comentários

Invasão do MST no Pará
De acordo com a Folha de São Paulo de 30 de novembro, o governo brasileiro tem resistido à pressão da diplomacia americana para tipificar o terrorismo em sua legislação.

Segundo o GSI (Gabinete de Segurança Institucional) o governo tem um conceito diferente dos EUA sobre terrorismo. Para presidente Lula uma tipificação poderia enquadrar e criminalizar movimentos sociais como o MST.

O Brasil é visto como leniente no combate ao terror pelo governo americano que se preocupa com a Tríplice Fronteira. O GSI informa que não há nada de “anormal” na região. Só nos resta saber se a constatação dessa “normalidade” tem presente o conceito americano ou petista de terrorismo, já que ambos são diferentes.


Invasão do MST no interior de SP
Parte do material encontrado com os sem-terra na invasão da fazenda Cutrale, Bauru: o rifle Winchester calibre 44 é de uso exclusivo das Forças Armadas
Invasão de dois engenhos em Aliança-PE

São Paulo, quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Surpresa...

Autor: Edson Oliveira   |   13:45   3 comentários

São Paulo, terça-feira, 23 de novembro de 2010

Quem está na foto? Quarta foto da série

Autor: Edson Oliveira   |   13:38   4 comentários


Hoje publico a quarta foto da série "Quem está na foto?".

Participe, acerte e concorra a um prêmio. Leia no final deste artigo como participar. O tempo para responder é até a próxima publicação (em geral sete dias).

_______________________________

Resposta correta da foto publicada na semana passada:



Grã-duquesa Maria Teresa de Luxemburgo.

Leitores que ganharam um ponto por acerto:

Ivan Rafael

Ponto por divulgação:

Aline Michele


Total de pontos por acerto

Ivan Rafael - 3 pontos
Aline Michele - 2 pontos
Vladimir Lachance - 1 ponto
Rodney Eloy - 1 ponto
Paulo Badek - 1 ponto

Total de pontos por divulgação

Aline Michele - 3 ponto
Rodney Eloy - 1 ponto

_____________________________________


Acerte e concorra a um prêmio. Como funciona?

No final da publicação de 25 posts da série "Quem está na foto?":

1) O leitor residente no Brasil que mais acertar ganhará de presente um exemplar do livro sobre o príncipe brasileiro "Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança" (*) de Armando Alexandre dos Santos (figura da capa do livro ao lado).

2) Quem indicar as postagens desta série através de Blogs (não vale comentários em blogs), Facebook, Orkut, Twitter ou sites (e-mails não contam), ganhará um ponto por publicação (envie-nos um "comentário" com o link para conferirmos) e no final quem tiver mais pontos também ganhará um exemplar do livro.

São duas formas diferentes de concorrer.

A cada nova publicação, em geral semanalmente, será divulgada a resposta correta da foto anterior e o nome das pessoas que acertaram.

Todas as fotos serão de personalidades da nobreza. Em cada uma delas haverá detalhes que indicarão algo sobre a pessoa, como, por exemplo, na fotografia desta semana, as bandeiras.

Como participar? Cadastro no Blogger!

Não é necessário nenhum cadastro conosco. Apenas tenha uma conta no Blogger para podermos indentificá-lo. Respostas anônimas ou sem conta Blogger não serão aceitas como válidas. Do contrário, quando acabar, qualquer um poderá nos enviar um e-mail dizendo ser o vencedor.

Para responder, basta fazer um comentário na postagem da fotografia. A resposta do leitor, é claro, não será publicada até a postagem da próxima foto.

Na resposta, deverá conter o nome correto e o título de nobreza da pessoa fotografada.

No final da série de 25 fotos, quem tiver mais pontos por acerto ou indicação ganhará o prêmio.

Qualquer dúvida, me escrevam.

(*) Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança: Edição restrita, de luxo, em papel de alta qualidade, com dezenas de fotografias, muitas das quais inteiramente inéditas.  É uma biografia completa do Príncipe, baseada em sólida documentação e revelando inúmeros fatos pouco conhecidos de sua vida. Seu papel na vida política do País; seu relacionamento com os monarquistas brasileiros; suas provações durante a Segunda Guerra Mundial; as dificuldades econômicas que precisou enfrentar ao longo da vida; suas atividades artísticas; o empenho que teve para, juntamente com sua digníssima Esposa, Princesa Da. Maria da Baviera de Orleans e Bragança, educar seus doze filhos como autênticos Príncipes brasileiros - tudo isso é exposto neste livro encantador, que se lê como um romance apaixonante.

São Paulo, domingo, 21 de novembro de 2010

Tailândia: mais de 2.000 fetos são encontrados em templo budista

Autor: Edson Oliveira   |   15:48   4 comentários

(Foto AFP)

Em Banguecoque, Tailândia, a polícia descobriu mais de 2.000 fetos dentro de sacos plásticos, frutos de aborto, no mosteiro budista de Phai Ngern, depois que moradores reclamaram do mau cheiro proveniente de um dos edifícios do templo.

Segundo informa a polícia, havia fetos armazenados há mais de um ano. Foram detidos no local vários suspeitos, entre eles uma mulher, Lanjakorn Jantamanas, de 33 anos, presa em flagrante no momento em que ia depositar outros fetos na sala mortuária do templo. Lanjakorn confessou que há cinco anos depositava fetos naquele mosteiro e em outros dois locais.

A essas monstruosidades leva o aborto!

Ser chique

Autor: Edson Oliveira   |   00:16   1 comentário

Recebi hoje de Rosangela Lyra o texto abaixo de Clarice Lispector e publico para conhecimento de nossos leitores.
________


Nunca o termo "chique" foi tão usado para qualificar pessoas como nos dias de hoje. A verdade é que ninguém é chique por decreto. E algumas boas coisas da vida, infelizmente, não estão à venda. Elegância é uma delas. Assim, para ser chique é preciso muito mais que um guarda-roupa recheado.

O que faz uma pessoa chique, não é o que essa pessoa tem, mas a forma como ela se comporta perante a vida.

Chique mesmo é quem fala baixo. Quem não procura chamar atenção com suas risadas muito altas, nem por seus imensos decotes e nem precisa contar vantagens, mesmo quando estas são verdadeiras.

Chique é atrair, mesmo sem querer, todos os olhares, porque se tem brilho próprio. Chique mesmo é ser discreto,
não fazer perguntas ou insinuações inoportunas, nem procurar saber o que não é da sua conta. Chique mesmo é dar bom dia ao porteiro do seu prédio e às pessoas que estão no elevador.

Chique mesmo é olhar nos olhos do seu interlocutor. É "desligar o radar" quando estiverem sentados à mesa do restaurante, e prestar verdadeira atenção a sua companhia. Chique mesmo é honrar a sua palavra, ser grato a quem o ajuda, correto com quem você se relaciona e honesto nos seus negócios.

Mas para ser chique, chique mesmo, você tem, antes de tudo, de se lembrar sempre de o quão breve é essa vida aqui.

Investir em conhecimento pode nos tornar sábios... mas Amor e Fé nos tornam humanos!

Clarice Lispector

São Paulo, segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Charge: CPMF

Autor: Edson Oliveira   |   20:40   2 comentários

Autor: Marcelo Augusto de Siqueira

São Paulo, sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Quem está na foto? Terceira foto da série

Autor: Edson Oliveira   |   23:42   6 comentários


Hoje publico a terceira foto da série "Quem está na foto?".

Participe, acerte e concorra a um prêmio. Leia no final deste artigo como participar. O tempo para responder é de sete dias depois da publicação.

_______________________________

Resposta correta da foto publicada na semana passada:


Torquhil Ian Campbell, duque de Argyll, uma das principais famílias escocesas. Ian é consultor da destilaria de uísque Chivas Regal e representante de Sua Majestade Elizabeth II na Escócia.

Sua residência é o castelo de Inveraray (foto acima), construído no século XVI. Sua humilde casa é aberta a visitação e recebe cerca de 80 mil visitantes todos os anos.


Leitores que ganharam um ponto por acerto:

Ivan Rafael
Aline Michele
Vladimir Lachance

Ponto por divulgação:

Aline Michele

Total de pontos por acerto

Ivan Rafael - 2 pontos
Aline Michele - 2 pontos
Vladimir Lachance - 1 ponto
Rodney Eloy - 1 ponto
Paulo Badek - 1 ponto

Total de pontos por divulgação

Aline Michele - 2 ponto
Rodney Eloy - 1 ponto

_____________________________________


Acerte e concorra a um prêmio. Como funciona?

No final da publicação de 25 posts da série "Quem está na foto?":

1) O leitor residente no Brasil que mais acertar ganhará de presente um exemplar do livro sobre o príncipe brasileiro "Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança" (*) de Armando Alexandre dos Santos (figura da capa do livro ao lado).

2) Quem indicar as postagens desta série através de Blogs (não vale comentários em blogs), Facebook, Orkut, Twitter ou sites (e-mails não contam), ganhará um ponto por publicação (envie-nos um "comentário" com o link para conferirmos) e no final quem tiver mais pontos também ganhará um exemplar do livro.

São duas formas diferentes de concorrer.

A cada nova publicação, em geral semanalmente, será divulgada a resposta correta da foto anterior e o nome das pessoas que acertaram.

Todas as fotos serão de personalidades da nobreza. Em cada uma delas haverá detalhes que indicarão algo sobre a pessoa, como, por exemplo, na fotografia desta semana, as bandeiras.

Como participar? Cadastro no Blogger!

Não é necessário nenhum cadastro conosco. Apenas tenha uma conta no Blogger para podermos indentificá-lo. Respostas anônimas ou sem conta Blogger não serão aceitas como válidas. Do contrário, quando acabar, qualquer um poderá nos enviar um e-mail dizendo ser o vencedor.

Para responder, basta fazer um comentário na postagem da fotografia. A resposta do leitor, é claro, não será publicada até a postagem da próxima foto.

Na resposta, deverá conter o nome correto e o título de nobreza da pessoa fotografada.

No final da série de 25 fotos, quem tiver mais pontos por acerto ou indicação ganhará o prêmio.

Qualquer dúvida, me escrevam.

(*) Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança: Edição restrita, de luxo, em papel de alta qualidade, com dezenas de fotografias, muitas das quais inteiramente inéditas.  É uma biografia completa do Príncipe, baseada em sólida documentação e revelando inúmeros fatos pouco conhecidos de sua vida. Seu papel na vida política do País; seu relacionamento com os monarquistas brasileiros; suas provações durante a Segunda Guerra Mundial; as dificuldades econômicas que precisou enfrentar ao longo da vida; suas atividades artísticas; o empenho que teve para, juntamente com sua digníssima Esposa, Princesa Da. Maria da Baviera de Orleans e Bragança, educar seus doze filhos como autênticos Príncipes brasileiros - tudo isso é exposto neste livro encantador, que se lê como um romance apaixonante.

São Paulo, quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Charge: 3º Programa Nacional de Direitos Humanos – PNDH-3

Autor: Edson Oliveira   |   11:52   1 comentário

Fonte: Matutando

São Paulo, terça-feira, 9 de novembro de 2010

Jantar solene na casa da rainha Elisabeth II para o emir do Qatar

Autor: Edson Oliveira   |   18:40   2 comentários

No dia 26 de outubro, a rainha da Inglaterra, Elisabeth II, recebeu no castelo de Windsor o emir do Qatar em jantar solene. E quão solene...

Vale a pena ver o vídeo e comparar com o sistema self-service que infelizmente a diplomacia do Itamaraty tem adotado ultimamente. Também em contraposição, me vem a memória um certo jogo de futebol que um certo presidente joga em sua residência na capital federal com amigos onde os palavrões correm soltos.

E não me venham falar sobre os gastos. Lula custa muito mais para o Brasil do que o valor de um cafezinho que cada inglês paga - por ano! - para manter a família real.

Enquanto isso, no armário da Dilma...

Autor: Edson Oliveira   |   10:59   2 comentários


Nova charge de Marcelo Augusto de Siqueira.

São Paulo, domingo, 7 de novembro de 2010

Manifestação pró-morte em Paris. Católicos agredidos e depois... presos

Autor: Edson Oliveira   |   23:48   6 comentários

Na tarde de sábado último, um negro cortejo percorreu as ruas de Paris em pról do "direito" de abortar. Eram feministas idosas, ativistas homossexuais, militantes libertários e extremistas de esquerda que tinham atendido ao apelo de 70 associações abortistas para estarem presentes.

Ah! Não podemos esquecer da mídia, ela estava lá e entrou na cerimônia como acólito incensando o número de participantes informado pelos organizadores, sem levantar a menor dúvida. Por exemplo, a AFP disse que havia 5.000 manifestantes, quando a polícia local calculou algo em torno de 2.700. Já blog  e-deo informa que não passava de 750. Esse dado me foi confirmado por amigos que estiveram lá.

O cortejo estranho saiu da praça da Itália em direção à Bastilha. Mas algo não estava direito. De repente, aparece na janela de um apartamento um cartaz (2,5m x 2m). O que estava escrito? Algo abominável! Vocês nem podem acreditar. As velhas feministas da marcha não podiam tolerar tal afronta contra o direito delas de se expressarem pacificamente com seus slogans obscenos - sim, muito obscenos e me recuso a sujar meu blog colocando um exemplo aqui - e também anti-clericais. Tratava-se de uma faixa que perguntava "Et le droit à la vie?" (E o direito à vida? Foto acima.)

Não dava para tolerar. Isso era uma ameaça a liberdade de expressão da marcha abortista! Quem tinha ousado tal afronta? Algo precisava ser feito. E fez-se. Um grupo de comunistas do sindicato CGT e algumas feministas invadiram o hotel, arrombaram a porta e retiraram a faixa, sem deixar, é claro, de agredirem aos dois jovens pró-vida que estavam dentro do quarto.

Pronto. Agora a justiça estava feita e a marcha podia continuar. Mas, não! O que é isso? Que empáfia, um outro pró-vida católico pegou um megafone e começou a falar sobre a verdadeira liberdade das mulheres. Sob os olhos da polícia, alguns militantes da marcha, armados de gás lacrimogêneo e pedaços de ferro (até então era uma cadeira), conseguem impedir a manifestação dos contrários (foto abaixo).

Opa! Quem vem lá? A polícia entra em cena, cessa a bagunça e prende... três pró-vida. Nenhum dos agressores foi ao menos atuado.

Apesar do aborto ser liberado na França, as feministas reclamavam da dificuldade de levar a cabo um pedido de matar o bebê, principalmente por causa que os médicos se negavam a transformar em açougue o local onde lutam diariamente para salvar vidas. É o direito à "objeção de consciência" posto em xeque.

Segue abaixo outras fotos (extraídas do site do Le Monde, exceto a última):

São Paulo, sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Um brinde aos heróicos 3%

Autor: Edson Oliveira   |   21:32   6 comentários



"Os heróicos 3%", esse é o título do artigo de João Pereira Coutinho publicada na Folha de São Paulo um dia após as eleições do segundo turno.

Nessa crônica, o jornalista português se diz muito perturbado com o índice de aprovação do governo Lula (82%), conforme divulgou a pesquisa DataFolha. Ou melhor, nem tanto. Sua real preocupação não são os 82%, mas os "3% de brasileiros que desaprovam o governo Lula e que não embarcam no entusiasmo geral".

"Como são solitários esses 3%! E como são heróicos! É preciso coragem, e uma dose invulgar de realismo e sensatez, para não ser atropelado pela multidão desgovernada", afirma Coutinho.

João Pereira Coutinho se pergunta "quem serão esses 3%? Gostaria de os conhecer, de os convidar para minha casa, de beber com eles à liberdade e à democracia. Vou repetir, quase com lágrimas nos olhos: 3%!"

Conclui: "nessa hora em que Lula sai para Dilma entrar, os meus únicos pensamentos estão com os 3% que não perderam a cabeça e mantiveram-se à tona da sanidade."

"Nessa noite fria de Lisboa, um brinde a eles!"

Sim, desse lado do Atlântico, nessa noite quente de Salvador, um brinde!

São Paulo, quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Chávez contente com a eleição de Dilma

Autor: Edson Oliveira   |   23:02   2 comentários

Ivan Rafael de Oliveira

“Bem vinda ao Clube!” Afirmou Chávez depois da vitória de Dilma Rousseff . Essa e outras declarações do presidente da Venezuela vêm noticiadas pela agência BBC Brasil no dia 1º de novembro de 2010, 1 dia após a eleição.

Logo após vencer as eleições, Dilma vem recebendo “elogios” e parabenizações de chefes de Estado do mundo inteiro. O que chama a atenção é de onde e de quem estão vindo tais felicitações.

“Irmã, companheira, bem-vinda a esse clube”, disse Chávez e acrescentou que ela se converterá num “gigante”. Os jornais venezuelanos deixam muito claro que o motivo da comemoração é porque se trata de uma “ex-guerrilheira” a primeira mulher a governar o Brasil. Com Dilma na presidência, a Venezuela pretende manter o chamado “eixo de integração” entre Brasília, Caracas e Buenos Aires.

Com essas afetuosidades, não estaria Chávez considerando a nossa próxima presidente uma aliada? Como alguém que ao menos não colocará obstáculos para a disseminação do socialismo bolivariano na América do Sul?

Apesar da moderação nos discursos de Dilma, parece que Hugo Chávez se coloca na lista daqueles que não crêem na mudança de pensamento dela, disse ele: “Você vem de longe, companheira, te conheço. Sabemos de onde você vem, da batalha pelo Brasil, da batalha dura.”

Acrescentando outro “elogio”, declarou que ela é “uma mulher patriota”, adjetivo muito usado por Chávez para definir aqueles que são favoráveis a sua revolução bolivariana. E para deixar ainda mais evidente a sua posição, taxa os adversários da nova presidente de agentes do “império”, que seriam “os interesses da ‘burguesia’ regional e dos Estados Unidos”. Parece até poesia, ele quer acusar o capitalismo em geral.

Controle da imprensa, estatização de grandes empresas e perseguição política, não há o que Chávez não tenha feito para calar os seus opositores e se perpetuar no poder.

Na Venezuela 61,3% dos brasileiros que votaram, foram contrários à Dilma. Por que não teriam eles interesse de que o Brasil seguisse no mesmo rumo do país em que residem?

De elogios todo mundo gosta, mas, de acordo com o contexto, eles podem significar o oposto do que parece. Quem gostaria de ser chamado de "tão belo como as obras de Picasso"? Ou, nesse caso, de “gigante” para o socialismo de Chávez? Mas se alguém ainda insiste de dizer que isso é elogio, desse "clube" eu não faço parte.

Quem está na foto? Segunda foto da série

Autor: Edson Oliveira   |   12:52   7 comentários



Hoje publico a segunda foto da série "Quem está na foto?".

Participe, acerte e concorra a um prêmio. Clique aqui para ler as instruções dadas na primeira publicação. O tempo para responder é de sete dias depois da publicação.

__________________________

Resposta correta da foto publicada na semana passada:

Sua Alteza Real a Princesa Ingrid Alexandra (nascida em 21/1/2004), futura rainha da Noruega e 64ª na linha de sucessão da Inglaterra.



Leitores que ganharam um ponto por acerto:

Rodney Eloy
Ivan Rafael
Aline Michele
Paulo Badek

Ponto por divulgação:
Rodney Eloy
Aline Michele

São Paulo, quarta-feira, 3 de novembro de 2010

"Afronta o regime democrático", diz MPE em parecer sobre a apreensão dos panfletos da Diocese de Guarulhos

Autor: Edson Oliveira   |   19:32   11 comentários


Em parecer assinado no dia 30 de outubro por Sandra Cureau, Vice-Procuradora-Geral Eleitoral, o Ministério Público Eleitoral (MPE), ao tratar sobre a apreensão do material impresso a pedido da Mitra Diocesana de Guarulhos, considerou que "afronta o regime democrático" caracterizar qualquer manifestação política como propaganda eleitoral.

O folheto intitulado "Apelo a todos os brasileiros e brasileiras" pede que os eleitores não votem em candidatos de partidos favoráveis à descriminalização do aborto e cita uma série de ações do Governo Federal e do Partido dos Trabalhos para legalizar tal prática monstruosa. O texto está assinado por três bispos da Regional Sul da CNBB.

A coligação “Para o Brasil seguir mudando” e Dilma Rousseff afirmam, em Ação Cautelar, que os panfletos "imputam ao Governo Federal, seu atual representante e à candidata por ele apoiada, Dilma Rousseff, a defesa da legalização do aborto perante a ONU, congressos partidários e Congresso Nacional. Tal panfleto veicula propaganda negativa, ilícita e preconceituosa, atraindo competência e atuação enérgica da Justiça Eleitoral".

Para o MPE, o "regime jurídico não impede que grupos sociais manifestem suas opiniões ante ao pleito eleitoral e ao posicionamento dos candidatos a cargos eletivos e seus respectivos partidos", pois, "admitir isso seria o mesmo que incompatibilizar a legislação eleitoral com o próprio regime constitucional".

O parecer não concorda que o panfleto tenha incorrido em crime e afirma que propaganda eleitoral é aquela "elaborada por partidos políticos e candidatos com a finalidade de captar votos do eleitorado para investidura em cargos público-eletivo".

Embora tenha caráter político e exprima posicionamento quanto às eleições, o folheto não indica em quem votar e seu conteúdo "não pode ser conceituado como propaganda eleitoral, pois não foi elaborado por candidato ou partido político."

Sobre o tema do aborto ter sido levantado, o MPE considera que é "natural e saudável que temas como esse sejam debatidos durante o período eleitoral", além de ser uma liberdade "assegurada pela ordem constitucional vigente e nada há de ilegal em escrutinar os posicionamentos dos partidos políticos, candidatos, apoiadores, sobre temas polêmicos, apenas porque se trata de período eleitoral."

O Ministério Público afirma que a liberdade de expressão do pensamento não é ilimitada. "É vedado o anonimato e assegurado o direito de resposta e indenização por dano moral e à imagem. No caso concreto, o panfleto não é anônimo."

Conclui o parecer com um pedido de revogação da medida liminar e a devolução de todo o material apreendido à Diocese de Guarulhos.

Confira notícia no site do MPE, clique aqui.

Para ler o parecer na íntegra, clique aqui.

São Paulo, terça-feira, 2 de novembro de 2010

Leopold Mozart, Sinfonia dos Brinquedos (Primeiro movimento)

Autor: Edson Oliveira   |   18:48   2 comentários

mozart, haydn, Sinfonia dos BrinquedosSinfonia dos Brinquedos, que durante anos foi atribuída a Haydn, é de autoria de Leopold Mozart (1719-1787), pai de Wolfgang Amadeus Mozart.

Ainda jovem, Leopold tornou-se músico da Capela Real em Salzburg. Seus dois filhos, Maria Anna e Wolfgang seguiram a carreira musical. A filha foi uma boa musicista e o filho, bem, acho que já é por demais conhecido.

Entre suas obras, Leopold Mozart compôs esta inocente sinfonia que utiliza brinquedos como instrumentos musicais, a alegria da música contagia até seus intérpretes:

Charge: Igreja e política - opinião de Leonardo Boff

Autor: Edson Oliveira   |   18:25   3 comentários

(Clique na imagem para ampliar)

São Paulo, segunda-feira, 1 de novembro de 2010

"Boato" sobre aborto é terrorismo; as Farc, não!

Autor: Edson Oliveira   |   19:45   6 comentários


Você sabe o que é terrorismo? Simples, é o mesmo que "boato" e "mentira". Trata-se do ato de dizer uma coisa que o governo tentou fazer no passado e que em período de eleições não pode ser mencionado. Quem assim age, usa da religião para fins político-eleitorais. Isso é terrorismo.

Entendeu? Vou dar um exemplo.

Em 27 de setembro de 2005, o Governo Lula enviou ao Congresso Nacional, através da ministra Nilcéa Freire da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, uma “proposta normativa” para legalizar o aborto até os nove meses e obrigar os planos de saúde a custeá-lo.

Não acredita nesse "boato", então clica aqui.

Pois bem, no mês passado, segundo informa G1, Marco Aurélio Garcia, coordenador da campanha da Dilma e assessor de Lula, disse que boato sobre aborto é "terrorismo".

"Alguns grupos tentam manipular a religiosidade brasileira para fins político-eleitorais”, afirmou Garcia classificando tal atitude como terrorista.

Em contrapartida, quando o presidente da Colômbia, Manuel Santos, veio ao Brasil no inicio de setembro, Marco Garcia disse que "o governo brasileiro não é uma agência de classificação" para dizer se as Farc são ou não uma organização terrorista.

E ele tem razão. Pois as Farc não se enquadram na definição dada acima no primeiro parágrafo. Simples, não?

São Paulo, domingo, 31 de outubro de 2010

Luto

Autor: Edson Oliveira   |   22:06   8 comentários


Este blog está em luto por três dias.

São Paulo, sábado, 30 de outubro de 2010

Porque sou contra a Dilma - Para lembrar qual é o Governo do PT

Autor: Edson Oliveira   |   17:59   8 comentários

(Foto, Lula e seu aliado Ahmadinejad, ditador do Irã.)

Frederico Viotti

Para lembrar qual é o Governo do PT:

1) Aliado de Evo Morales, Chavez, Castro e do sistema nazista do Irã;

2) Negou pedido de asilo a dois cubanos que fugiram da ilha-prisão de Fidel Castro;

3) Aceitou o pedido de asilo de um terrorista italiano que matou inocentes na Itália e foi condenado por isso naquele país;

4) foi protagonista dos maiores escândalos de corrupção de nossa história recente;

5) Apoiou o projeto nuclear do Irã contrariando a própria ONU;

6) É cúmplice das invasões do MST, considerando-o um movimento social legítimo;

7) Acirrou divisões de raça no Brasil com a implantação do sistema de cotas na universidade e de Quilombolas;

8) Tentou (e continua tentando) criar uma luta de classes, colocando pobres contra ricos;

9) Interferiu em Honduras para manter um presidente socialista e corrupto contra a vontade dos hondurenhos;

10) Ameaçou re-estatizar a economia (cuja liberdade atual é, em grande parte, responsável pelo sucesso econômico que hoje celebram);

11) Foi o partido que criou o maior número de projetos de lei pró-aborto e casamento homossexual em nossa história...

12) Lançou o PNDH-3, que é um verdadeiro programa de perseguição religiosa, ameaçando de prisão quem for contra o homossexualismo;

13) Mandou confiscar folhetos que acusavam o PT de ser pró-aborto, como se isso fosse mentira, ameaçando a liberdade de expressão daqueles que não concordam com eles;

14) Aparelhou o Estado brasileiro criando milhares de cargos de comissão ocupados por petistas;

15) Até hoje não deram uma resposta satisfatória para a morte de Celso Daniel, ex-prefeito de Santo André e membro do PT que foi assassinado em 2002, sendo que 7 testemunhas do crime também foram assassinadas posteriormente;

16) Um dia após as eleições de 1o Turno, quando o PT acreditava que ganharia as eleições, publicou, no Diário Oficial da União, a criação de um grupo de estudo para liberalizar o aborto no Brasil, ao mesmo tempo em que a candidata do PT negava querer liberar o aborto no país;

17) Concedeu vultosas indenizações a ex-militantes da esquerda revolucionária da década de 60 e 70, mas nega essas indenizações às famílias das vítimas desses "militantes";

18) Petistas quebraram o sigilo fiscal do jardineiro Francelino, em Brasília, que acusou outros petistas de terem recebido dinheiro de mensalão e de ligações com as FARCs;

19) O PT conseguiu decisão judiciária bloqueando o acesso ao processo que corre no STM contra sua candidata Dilma Roussef. Apesar dos processos serem públicos no Brasil, ninguém tem acesso ao processo contra a Dilma. Já, se fosse um processo contra um candidato da oposição...

20) Não há nenhuma informação sobre o que Dilma fez quando atuava na clandestinidade da luta armada, nenhum pedido de desculpas ou arrependimento, apenas silêncio;

21) O Governo do Brasil vê com bons olhos o aumento da presença iraniana e russa na Venezuela de Chávez, mas critica e combate publicamente a presença norte-americana na Colômbia;

22) Um Governo totalitário não precisa nascer totalitário. Ele se torna totalitário porque suas idéias são totalitárias. Fidel Castro defendia a democracia, Chávez também. O Nazismo venceu as eleições na Alemanha escondendo suas idéias. Todos os regimes instalados nesses países se julgavam bons e defendendo os menos favorecidos. Todos começaram a querer a perpetuação no Poder e passaram a perseguir seus opositores.

Por tudo isso (e por muitas outras razões), não posso votar na Dilma para Presidente do Brasil.

Leonardo Boff quer ver Bispos contrários ao PT na "cadeira de Galileu"

Autor: Edson Oliveira   |   12:26   5 comentários

(Foto: Leonardo Boff discursa em ato-pró-Dilma, 18/10/2010)

Em entrevista para o Los Angeles Times, Leonardo Boff conta à jornalista Paula Gobbi que em 1984 sentou-se "na mesma cadeira onde sentou Galileo Galilei e Giordano Bruno" e narra de maneira dramática como ocorreu, a seu ver, o "processo judicial junto a ex-Inquisição presidida pelo Cardeal J. Ratzinger".

"Sou profundamente pela liberdade de expressão em nome da qual fui punido com o 'silêncio obsequioso' pelas autoridades do Vaticano", disse em artigo de sua autoria para a Adital.

Recentemente, em vídeo gravado por um grupo de conservadores (vide abaixo), Leonardo Boff volta a falar em condenação na Instância Eclesiástica, mas agora não de modo crítico.

Para ele o "pequeno grupo de bispos conservadores e reacionários desobedeceram a determinação básica da CNBB, tomada universalmente, em maio, de que a Igreja como sempre não deve se meter em política, mas Ela tem uma função pedagógica de despertar a consciência e discutir os projetos e deixar em liberdade o voto. Porque o voto é uma questão de cidadania e liberdade. Esses [os bipos reacionários], não, eles colocaram o documento deles duma forma que quem o lê-se era a CNBB, quando era a CNBB na Seção sul 1 e era uma subseção da Sul 1. Fundamentalmente o bispo de Guarulhos em outros dois. Eu achei uma manipulação. Um crime eleitoral. E que deviam ser denunciados em duas instâncias, na Instância Eclesiástica e na Instância Civil."

Perguntado sobre o conteúdo do texto divulgado pelos bispos da Regional Sul 1, Boff respondeu que seu juízo não era pelo que o documento dizia, mas por "usarem a religião para efeito político partidário. Isso eu acho que é ilegítimo."

Recentemente outro bispo - será? - deve ter entrado na lista de condenações do Boff. Trata-se do Bispo de Caçador, SC, que divulgou uma carta em apoio a Dilma.

No final do vídeo, Boff começa a mudar de tom quando percebe que seus entrevistadores não pertenciam ao seu "mundo plural", mas pertenciam ao "submundo político" dos conservadores. Encerrou com uma boffetada na câmera que estava gravando.

Assim é o teólogo que na entrevista ao Los Angeles Times criticou o então Cardeal Ratzinger por não possuir "a cordialidade do pensamento que vai ao encontro do outro para também aprender."

São Paulo, sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Futuro do "submundo político"

Autor: Edson Oliveira   |   22:10   Seja o primeiro a comentar


Em um determinado país do mundo, na capital federal, um telefone toca.

- Alô, aqui é Jorjão, chefe nacional do Comitê de Salvação Pública, quem fala?

Uma voz grossa de tom feminino responde do outro lado:

- Aqui é a secretária-executiva do Ministério Paz e Cidadania de Investigação de Crimes do Submundo Político.

- Pois não, Sra. secretária-executiva, em que lhe posso ser útil.

- Pare com essas gentilezas burguesas. Como você sabe, camarada, tanto seu Comitê quanto o Ministério em que trabalho foram recém criados pela nossa grande presidenta. Salve, Dona Estefânia!


- Salve! - respondeu seu Jorjão em tom militar enquanto olhava para um grande quadro da presidenta Estefânia que alguns empregados do sindicato colocavam na parede do seu escritório.

- Precisamos começar os trabalhos, meu Ministério ficará encarregado de analisar seus relatórios e tomar as devidas providências. Como ainda não conseguimos, mesmo com grande apoio de nossas nações irmãs como Cuba, China, Coréia do Norte, Venezuela, Irã e Rússia, fazer aprovar na ONU nosso projeto de controle nacional da internet, você precisará dar um jeito de saber quem esteve por detrás dos crimes eleitorais de calúnias e boatos espalhados contra nossa grande presidenta durante as eleições. Não podemos permitir que o submundo político volte a tona.

- Claro, claro, - responde Jorjão, antigo agitador agrário, ex-líder dos Sem-Trevas - concordo perfeitamente, começarei de imediato.

- Está muito bem, beijos - despede-se a secretária tentando afinar a voz.

- Tchau!

Seu Jorjão, ou melhor, comandante Jorjão, como prefere ser chamado, ao desligar o telefone franze a testa, pois se lembra perfeitamente do rosto nada harmônico da tal secretária. - "Beijos", eca! - pensou ele.

No escritório, ainda não organizado, comandante Jorjão olha para o material que ele utilizará em seu relatório inicial.

- Bem, o que temos aqui? hãã, algumas edições da revista Olha, fitas de vídeo com pronunciamentos de bispos, padrecos e pastoretes. E essa fita aqui? Cadê as informações sobre ela? Há, tem um papel aqui mal grudado do outro lado dela. Esse pessoal é muito mão fechada, nem para comprar material decente. Bom, o que diz aqui: "Pronunciamento do Papa em 28 de outubro de 2010 - analizar para futuro processo na Corte Internacional por interferência na soberania bolivariana de nossa pátria".

Após ler sem perceber que "analisar" estava escrito errato, comandante Jorjão tenta com os dedos grudar novamente o papel na fita enquanto seus olhos vagueiam pela mesa onde encontra um documento intitulado "Instruções e lista dos principais Suspeitos - Ministério Paz e Cidadania de Investigação de Crimes do Submundo Político".

Seu Jorjão, ops, comandante Jorjão joga de lado a fita que segurava e começa a ler:

"Sr. Jorge Estrela Vermelha, o Ministério Paz e Cidadania de Investigação de Crimes do Submundo Político traz abaixo alguns pontos importantes para que seu trabalho tenha um melhor êxito.

"Primeiro leia com atenção a lista de blogs e sites que nossa equipe técnica preparou para sua investigação. Sua equipe precisa encontrar qual é o servidor que hospeda essas páginas e abrir uma reclamação formal da parte do Comitê. Caso o servidor prefira defender seu cliente e com isso se recusar a cumprir a nova lei contra Boatos e Calúnias, então faremos uma denúncia à Polícia Nacional Bolivariana de Controle Político. Mas aí já é conosco, o Sr. apenas deve colocar no seu relatório o que ocorreu.

"Lembre-se que seu Comitê tem total aval governamental para quebra de sigílo bancário, implantação de grampos telefônicos e abertura de qualquer correspondência postal.

"Outra tarefa importante é fazer pressão sob a empresa Gugou para que ela libere informações sobre quem são os responsáveis pelas publicações dos vídeos que incorreram no descumprimento da Lei contra Boatos e Calúnias que possui, por determinação presidencial, poder de aplicação retroativa."

Seu Jorjão, para a leitura. Nem sabe se "para" tem acento ou não conforme a nova gramática, quanto menos o que significa "retroativa". Mas isso não o incomoda mais que alguns instantes. Acredita ter entendido a ordem.

E assim se iniciou os trabalhos do Comitê de Salvação Pública.

São Paulo, quinta-feira, 28 de outubro de 2010

"Onda conservadora" - A força do Brasil real

Autor: Edson Oliveira   |   18:01   2 comentários

Hoje a Folha de São Paulo publicou uma matéria importante (aqui) que mostra como as reações sadias da nação podem colocar contra a parede e fazer recuar as forças revolucionárias em seus anseios anti-cristãos.

A "onda conservadora", conforme linguagem da feminista Rose Marie Muraro, tirou espaço no atual debate eleitoral da defesa intransigente da liberação do aborto. As feministas consideram que não é hora para o assunto e apoiam o "recuo", que julgo meramente retórico, de Dilma em relação ao tema.

Maria Laura Pinheiro, ex-secretária-adjunta da Secretaria de Políticas para as Mulheres e coordenadora da comissão tripartite que fez o projeto de lei, em 2005, da descriminalização do aborto, afirma que em período eleitoral esse assunto só é levantado por "quem quer queimar o movimento feminista". Deixando claro, com isso, que o eleitorado brasileiro não apóia essa bandeira feminista e que as iniciativas de projetos de lei para liberar o aborto são feitas sem respaldo popular.

A afirmação de Laura Pinheiro também nos revela que quanto mais silêncio sobre o assunto, tanto melhor para a causa abortista. É por isso que o "recuo" de Dilma as favorece, pois visa tentar tirar o tema do debate nacional nesse período de eleição.

Tática do "recuo" de Dilma explicado pelas feministas

A palavra recuo fica muito bem entre aspas, pois se trata mais de uma tergiversação do tema, uma mudança de foco e não de opinião.

Para Maria Lucia da Silveira, socióloga e militante da Marcha Mundial de Mulheres, pelo menos Dilma trata o aborto como questão de "saúde pública". "O correto é dizer sou contrário à criminalização. E é o que ela está falando", diz. 

Para Suely de Oliveira, colaboradora do programa de Dilma, cabe ao Congresso a discussão do tema. Dilma, por outro lado, como potencial gestora, deveria focar no atendimento a quem aborta.

O recuo, nesse caso, é uma mudança retórica para confundir o eleitor, mas assim só o fizeram porque se viram obrigados pela pressão da "onda conservadora".

O maior perigo para o Brasil: Congelar a onda

Conforme disse Rose Marie à Folha sobre a - controvertida - volta atrás da candidata petista: "entendo e faria a mesma coisa. Há oito anos [de governo] para isso, ou quatro que seja. Não é o fim do mundo".

A tentativa das feministas será em vão, sim, até o fim do mundo se não baixarmos a guarda. Como bem alertou Edmund Burke: "Para o triunfo do mal, basta que os bons não façam nada." A onda, por maior que seja, quando congelada, de nada é capaz. "Vigiai e orai" (Mt, 26, 41), que o Brasil não esqueça desse valioso conselho do Divino Mestre.

São Paulo, terça-feira, 26 de outubro de 2010

Quem está na foto? Participe, acerte e concorra a um prêmio!

Autor: Edson Oliveira   |   19:18   9 comentários

Será que algum dos leitores sabe quem está na foto acima?
_____________________________________

Acerte e concorra a um prêmio. Como funciona?

Este é o primeio de 25 posts da série "Quem está na foto?", quando a série acabar:

1) O leitor residente no Brasil que mais acertar ganhará de presente um exemplar do livro sobre o príncipe brasileiro "Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança" (*) de Armando Alexandre dos Santos (figura da capa do livro ao lado).

2) Quem indicar as postagens desta série através de Blogs (não vale comentários em blogs), Facebook, Orkut, Twitter ou sites (e-mails não contam), ganhará um ponto por publicação (envie-nos um "comentário" com o link para conferirmos) e no final quem tiver mais pontos também ganhará um exemplar do livro.

São duas formas diferentes de concorrer.

A cada nova publicação, em geral semanalmente, será divulgada a resposta correta da foto anterior e o nome das pessoas que acertaram.

Todas as fotos serão de personalidades da nobreza. Em cada uma delas haverá detalhes que indicarão algo sobre a pessoa, como, por exemplo, na fotografia desta semana, as bandeiras.

Como participar? Cadastro no Blogger!

Não é necessário nenhum cadastro conosco. Apenas tenha uma conta no Blogger para podermos indentificá-lo. Respostas anônimas ou sem conta Blogger não serão aceitas como válidas. Do contrário, quando acabar, qualquer um poderá nos enviar um e-mail dizendo ser o vencedor.

Para responder, basta fazer um comentário na postagem da fotografia. A resposta do leitor, é claro, não será publicada até a postagem da próxima foto.

Na resposta, deverá conter o nome correto e o título de nobreza da pessoa fotografada.

No final da série de 25 fotos, quem tiver mais pontos por acerto ou indicação ganhará o prêmio.

Qualquer dúvida, me escrevam.

(*) Dom Pedro Henrique, o Condestável das Saudades e da Esperança: Edição restrita, de luxo, em papel de alta qualidade, com dezenas de fotografias, muitas das quais inteiramente inéditas.  É uma biografia completa do Príncipe, baseada em sólida documentação e revelando inúmeros fatos pouco conhecidos de sua vida. Seu papel na vida política do País; seu relacionamento com os monarquistas brasileiros; suas provações durante a Segunda Guerra Mundial; as dificuldades econômicas que precisou enfrentar ao longo da vida; suas atividades artísticas; o empenho que teve para, juntamente com sua digníssima Esposa, Princesa Da. Maria da Baviera de Orleans e Bragança, educar seus doze filhos como autênticos Príncipes brasileiros - tudo isso é exposto neste livro encantador, que se lê como um romance apaixonante.

São Paulo, segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Assassinos! Assassinos! - 10.000 pessoas protestam contra Congresso abortista em Sevilha

Autor: Edson Oliveira   |   21:39   6 comentários


“Assassinos! Assassinos! Assassinos!”, assim gritavam os manifestantes pró-vida em Sevilha, Espanha, no dia 23 de outubro, sempre que alguém entrava ou saía do hotel em que se realizava o “IX Congresso Internacional de Profissionais do Aborto e Contracepção”, conforme noticia o jornal de Madri, La Razón.

Em frente ao Hotel Meliá Sevilla, o movimento espanhol HazteOir organizou um protesto com mais de 10.000 pessoas contra o congresso que reuniu 600 “profissionais” de aborto de 48 países para compartilhar técnicas de matar bebês no ventre materno.

«Querem-se chamar profissionais de medicina», mas «sua função é acabar com uma vida», portanto, «são profissionais da morte», disse uma das organizadoras, Gádor Joya, realçando o dado de que o "negócio" do aborto «na Espanha fatura, por ano, declarados, mais de 50 milhões de euros».

De acordo com o site de HazteOir, o principal objetivo da manifestação foi para que Sevilha não ficasse marcada como capital mundial do aborto. E por isso adotaram como lema "Sevilha, capital da Vida".

O ato acabou com a leitura de um manifesto contra o financiamento das Administrações Públicas locais ao referido Congresso e por tê-lo considerado como de "interesse científico-sanitário", exigindo que as autoridades «deixem de financiar com nosso dinheiro a indústria do aborto», que se enriquece «à custa do sofrimento das mães».

São Paulo, domingo, 24 de outubro de 2010

Diálogo com os "movimentos sociais"... mas e com a oposição?

Autor: Edson Oliveira   |   23:57   8 comentários


Dilma disse em entrevista ao Jornal Nacional no dia 9 de agosto: "Nós, do governo Lula, somos eminentemente um governo do diálogo. Em relação aos movimentos sociais, você nunca vai ver o governo do presidente Lula tratando qualquer movimento social a cassetete. Primeiro nós negociamos, dialogamos. Agora, nós também sabemos fazer valer a nossa autoridade. Nada de ilegalidade nós compactuamos."

É muito fácil dialogar quando se tem interesse na causa que os tais "movimentos sociais" defendem. E o governo do PT (sim, é o PT quem governa o Brasil) tem se mostrado fiel a esse principio de diálogo mesmo quando se trata de movimentos que agem na ilegalidade como o MST.

Agora, a pergunta é: como os petistas tratam com movimentos (sim, sem aspas) que não rezam a cartilha socialista? Diálogo e sorriso?

Acho que não, pois nem com o PSDB, que também é um partido de esquerda, eles dialogam com cordialidade. Veja no vídeo abaixo como uma turma de petistas trataram o candidato José Serra no Rio de Janeiro. Observe a simpatia dialogante do presidente Lula e o gáudio dele quando pensa ter desvendado o mistério da "bola de papel". Parece até dossiê quando ele começa a citar o "envolvimento" do médico do Cesar Maia no assunto.


Certamente é como eles tratariam o MST. Ou não?

São Paulo, sábado, 23 de outubro de 2010

Censura à vista...

Autor: Edson Oliveira   |   23:10   1 comentário


Gabriel Ferreira

O Estado de São Paulo do dia 21 de outubro de 2010 (aqui), bem como o portal de notícias IG do mesmo dia (aqui) noticiaram que a censura à mídia já está começando no Ceará.

Por inspiração do Primeira Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), a Assembléia Legislativa do Ceará, na última terça feira, 19 de outubro de 2010, aprovou por unanimidade o chamado Conselho de Comunicação Social do Estado que é um projeto de autoria da deputada Rachel Marques (PT).

Algumas das resoluções aprovadas nesta Conferência que foi uma iniciativa do governo federal patrocinada pelo PT, visam estabelecer o controle dos meios de comunicação. Estas metas faziam parte do programa de governo da candidata petista à presidência Dilma Rousseff, mas, devido a reações, foram retiradas logo no início da campanha.

Sabe no que consiste esse “controle social”?

Segundo o projeto, o Conselho exercerá a função de “formular e acompanhar a execução da política estadual de comunicação, exercendo funções consultivas, normativas, fiscalizadoras e deliberativas”. O órgão também deverá “monitorar, receber denúncias e encaminhar parecer aos órgãos competentes sobre abusos e violações de direitos humanos nos veículos de comunicação no estado do Ceará”.

Não se sabia que havia tanta “violação dos direitos humanos” na mídia do Ceará, a ponto de ser necessário um órgão para “receber e encaminhar denúncias”... Mas o que será que isso quer dizer? No que consistem essas violações? Basta ver o que se considera “violação aos direitos humanos no PNDH-3.

Note-se de passagem que as principais organizações de comunicação do país, tais como a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), a Associação Brasileira de Internet, a Associação Brasileira de TV por Assinatura, a Associação de Jornais e Revistas do Interior do Brasil, a Associação Nacional dos Editores de Revistas e a Associação Nacional de Jornais não tiveram participação na 1ª Confecom.

E isso não é boato. Veja neste link a íntegra do projeto.



Assim como você, muitos outros brasileiros estão se perguntando: Que controle é esse que irão fazer à mídia? Não é isso muito parecido com o que Chávez fez na Venezuela? Afinal, isso vai ficar só no Ceará, ou poderá se estender para todo o Brasil?

São Paulo, quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Em anexo um vírus! Ignorar?

Autor: Edson Oliveira   |   17:27   1 comentário

Ivan Rafael de Oliveira
(O autor é meu irmão, sim, e daí?)

Duas novas máquinas de falsificar a realidade foram desenvolvidas no Japão, elas prometem deformar virtualmente a cor e o sabor dos alimentos e mesmo produzir sensações de gosto e tatos. Elas foram apresentadas em dois artigos do portal de notícias Terra, nos dias 15 de setembro e 14 de outubro desse ano.

A primeira delas, já pronta e testada, é uma máquina de realidade virtual. Criada pelo professor Michitaka Hirose, da universidade de Tókio, foi apelidada de “Metacookie+”. É uma espécie de capacete que altera virtualmente a cor e o cheiro dos alimentos, isto é, quando o portador da máquina come um biscoito de um sabor, o aparelho capta a imagem e ilude a pessoa a enxergar e sentir o cheiro de um biscoito de outro sabor.


A outra máquina, ainda em desenvolvimento, trabalha impulsos elétricos aplicados diretamente no cérebro. Projetada pelo professor Adrian K. Cheok, da universidade de Keio, ela fará o organismo experimentar sensações de toque e gosto através de meios eletrônicos, como internet e celular. Cheok pretende com seu experimento dar as pessoas sensações de gostos de alimentos como pirulitos, vinhos, biscoitos etc. Mesmo abraços poderiam ser dados via internet e a uma mensagem de texto se acrescentaria um gosto, podendo ser doce ou amargo conforme o que combine.

As duas máquinas são alegadas como “bem intencionadas”. Por exemplo, dar possibilidades de experimentar comidas diversas e aumentar e melhorar o contato de pessoas distantes. Seriam até uns belos brinquedinhos novos para se divertir na internet, que poderiam mesmo servir de ajuda psicológica para diabéticos e pessoas com doenças de pele. Mas será que não poderia estar vindo em anexo a essa mensagem de esperança e progresso um efeito maléfico muito acima de qualquer um desses benefícios pretendidos?

Sarah Lacy, colunista do site Tech Crunch, alerta que essa tecnologia pode trazer sérias complicações, tanto éticas quanto legais. Para ela, é fácil pensar em coisas produtivas para se fazer, mas é também fácil pensar em coisas perigosas, principalmente se tratando da internet. Ela questiona “por que esperar que as coisas vão parar só no abraço?”. Lacy mostra preocupação, sobretudo com as crianças com acesso a internet, relembrando os casos de pedofilia cada vez mais constantes através das redes.

Aproveito para fazer algumas perguntas: Estariam realmente cientes das possibilidades de uso desses equipamentos aqueles que os estão desenvolvendo? Até onde chegariam as hipóteses de uso? Uma pessoa que porte os dois equipamentos ao mesmo tempo até que ponto poderá acreditar naquilo que vê? O que mais poderá ser criado de ilusão para os usuários? Para finalizar, estas máquinas não poderiam ser aplicadas como armas para controlar mentes?

Nátaly Dauer, colunista do site de tecnologia Geek, lembra que “toda nova tecnologia está sujeita a bons e maus usos, vide a física nuclear, responsável por incríveis avanços médicos e científicos, mas também pela bomba atômica.”

Lembro que o modo como os vírus entram em nossos computadores, são em sua maioria, através de falsas propagandas, que nos oferecem aquilo que nos atrai. Mas quando aceitamos a propaganda e se, pior ainda, ignoramos o aviso do nosso antivírus, aí já é tarde!

________________
Comentário deste blog:

Cabe lembrar aqui aos nossos queridos leitores, o que foi escrito pelo Professor Plinio Corrêa de Oliveira em seu livro "Revolução e Contra-Revolução" em 1959, os negritos e sublinhados são meus:

"A REDENÇÃO PELA CIÊNCIA E PELA TÉCNICA: A UTOPIA REVOLUCIONÁRIA

"De qualquer maneira, depositando toda a sua confiança no indivíduo considerado isoladamente, nas massas, ou no Estado, é no homem que a Revolução confia. Auto-suficiente pela ciência e pela técnica, pode ele resolver todos os seus problemas, eliminar a dor, a pobreza, a ignorância, a insegurança, enfim tudo aquilo a que chamamos efeito do pecado original ou atual.

"Um mundo em cujo seio as pátrias unificadas numa República Universal não sejam senão denominações geográficas, um mundo sem desigualdades sociais nem econômicas, dirigido pela ciência e pela técnica, pela propaganda e pela psicologia, para realizar, sem o sobrenatural, a felicidade definitiva do homem: eis a utopia para a qual a Revolução nos vai encaminhando.

"Nesse mundo, a Redenção de Nosso Senhor Jesus Cristo nada tem a fazer. Pois o homem terá superado o mal pela ciência e terá transformado a terra em um “céu” tecnicamente delicioso. E pelo prolongamento indefinido da vida esperará vencer um dia a morte." (Parte I, Capítulo XI, item 3)