Frase

"A Revolução Francesa começou com a declaração dos direitos do homem, e só terminará com a declaração dos direitos de Deus." (de Bonald).
São Paulo, segunda-feira, 9 de agosto de 2010

PNDH-3 em debate, não perca!

Autor: Edson Oliveira   |   14:49   14 comentários

Participe do Fórum:

As ameaças do 
Programa Nacional dos Direitos Humanos–3 
continuam!

Em 22 de dezembro de 2009, por decreto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pôs em vigor o Plano Nacional de Direitos Humanos-3 (PNDH-3), texto agressivo, totalitário e coletivista, que traumatizou a Nação. O diploma legal, saudado com entusiasmo pelas esquerdas, não teve condições políticas de sustentação. Quase cinco meses depois, premido pelo clamor da inconformidade popular e por conveniências eleitorais, o governo finalmente alterou em pontos fundamentais o PNDH-3. Foi verdade ou show? Você precisa saber para ficar atualizado.
  • O que pensar deste programa da coligação governista, que procura enfiar o Brasil nos moldes de sua utopia de destruição?

  • O governo, ao ajustar pontos do programa que traumatizaram a Nação, ferindo-a em seus sentimentos de religião, nacionalidade e autonomia pessoal, recuou como foi noticiado por certa imprensa? Ou fez retirada momentânea sem abandono a objetivos programáticos irrenunciáveis para revolucionários, hoje no governo, obcecados por seus ideais de demolição?
Estas e outras perguntas de enorme atualidade serão respondidas por especialistas na matéria, com grande experiência da vida pública brasileira.

Dia 26 de agosto de 2010

Local: GOLDEN TULIP– Paulista Plaza

Endereço: Alameda Santos, 85 – Jardins – São Paulo

Acesse o site da Pela Legítima Defesa e confirme gratuitamente logo sua presença, as vagas são limitadas.

Conferencistas

Prof. Ives Gandra da Silva Martins
As inconstitucionalidades no PNDH-3.

Príncipe D. Bertrand de Orleans e Bragança
A corrosão do direito de propriedade no PNDH-3.
Reforma agrária, quilombolas, questão indígena.

Deputado Federal Jairo Paes de Lira
O PNDH no Congresso Nacional.
Aborto, “casamento homossexual” e desarmamento.

Dr. Paulo Uebel, Diretor executivo do Instituto Millenium
Aspectos econômicos do PNDH-3
– A prosperidade e o desenvolvimento humano

Programação

19:30 hs Recepção e welcome coffee
20:00 hs Início do fórum
22:00 hs Considerações finais e Encerramento

Realização e Patrocínio:

Acesse o site da Pela Legítima Defesa e confirme gratuitamente logo sua presença, as vagas são limitadas.

14 comentários:

Do Brasil Servulo!
Se Deus quiser,este evento será um marco histórico na história do Brasil.
Abraços

O Sérvulo nâo sabe que há um grupo de pessoas que deseja restaurar a Monarquia no Brasil, apesar de já ter sido a idéia fortemente repudiada em plebiscito. No entanto, os monarquistas têm direito de manifestação e defesa dos que pensam ser ela adequada para o Brasil. Particularmente, penso que esse regime está nos últimos dias nos poucos lugares em que ainda resta desfigurado e fraco. Na inglaterra, dele só resta o ritual, a pompa, os gastos e os escândalos. No Brasil, uma associação com os grupos nazi-fascistas, como a TFP e o IPCO.

A TFP e o IPCO nada têm de nazi-fascista.

Plinio Corrêa de Oliveira combatia ambas ideologias quando elas eram a moda da época (assim como o socialismo é hoje).

Entre 1929 e 1947 foram publicados no Legionário, jornal dirigido por Dr. Plinio, nada menos que 2.936 artigos contra o nazismo e o fascismo, dos quais 447 eram de sua autoria.

Ele combateu o integralismo tendo sua própria vida ameaçada. E muitos dos integralistas se tornaram depois adeptos do comuno-socialismo como Dom Helder Câmara que era secretário geral do Integralismo.

Plinio Corrêa de Oliveira debateu frente a frente com o Plinio Salgado (esse, sim, fundador do Integralismo) que defendia que podia ser católico e socialista ao mesmo tempo. Sim, Plinio Salgado disse isso a Dr. Plinio C. de Oliveira.

No mais, nazi-fascismo é, por exemplo, defender o aborto de deficientes fisicos, como o de anencéfalos que a Sra. defendeu num outro post aqui do blog.

Os nazistas eram contra a monarquia e favorável a ditaduras de líderes carismáticos populistas que levassem o povo ariano a sua evolução perfeita.

Cordialmente, despeço-me.

O IPCO apresentava-se contra as externalidades do nazismo na Europa, mas defendia os valores filosóficos do nazismo no Brasil, assim como Pio XII que pregava a ética cristã, mas era aliado de primeira hora de Hitler. Mas, o senhor não comentou a posição de reacionaríssima aliada TFP, braço armado dos conservadores.

"Mas defendia os valores filosóficos do nazismo no Brasil"

Como o quê?

"Assim como Pio XII que pregava a ética cristã, mas era aliado de primeira hora de Hitler."

Cadê a prova?

"Mas, o senhor não comentou a posição de reacionaríssima aliada TFP, braço armado dos conservadores."

Quando eu entender o que você escreveu, eu comento. Não estudei ainda as novas regras de gramática, perdoe-me, deve ser por isso que não consegui compreender inteiramente esse seu parágrafo.

Em relação à TFP, não se tem nenhum registro histórico de luta armada feita por essa instituição. Mas o mesmo não pode ser dito em defesa de sua candidata petista à presidência da república.

IPCO,TFP e todos os que sinceramente defendem a Igreja e seu legado de Fé,são Contra-Revolucionários,sem contágio pela Revolução,já os que se distanciam da defesa da Igreja e de sua influência espiritual no mundo,são Revolucionários ou no máximo Semi-Contra-Revolucionários.
Quanto maior é a atuação de Lucifer nos indivíduos e grupos sociais,maior é o grau de contaminação dos mesmos pela Revolução e,quanto maior for a atuação de Cristo com a graça santificante,nos indivíduos e grupos sociais,menor ou nula é,a contaminação dos mesmos pela Revolução que nada mais é do que rebeldia luciferiana em atuação sobre os homens e sobre a sociedade.
Não há como se comparar,o modelo de vida e de sociedade ensinados pela Revelação Divina,com modelos ensinados por homens ou modelos mistos,que contenham em parte elementos da Revelação e em parte elementos humanos em seu conteúdo.
A solução para os problemas do homem e do mundo está somente em Cristo e ele é a medida de todas as coisas,sua Igreja,a Igreja Católica Apostólica Romana é a organização humana e divina mais Contra-Revolucionária e conservadora que existe e os demais movimentos ou organizações,são revolucionários em maior ou menor grau.
O Integralismo não possui uma doutrina perfeita,pois,doutrina perfeita é tão somente a doutrina Católica,que Plinio Correa de Oliveira defendia.
Mas,na minha opinião,não se pode negar o bem que o Integralismo fez para o Brasil,defendendo-o da praga Comunista.Pessoalmente,gostaria de ter conhecido Plínio Salgado e Plinio Correa de Oliveira,se os tivesse conhecido no momento de sua divergência,eu diria aos dois,"Derrotemos primeiro o Comunismo e depois resolva-mos as diferenças".
É fato que existiam indivíduos comunistas infiltrados no Integralismo,pois o movimento tinha mais de um milhão de adeptos,facilmente infiltrável portanto.
Bem,analisando os últimos comentários do blog,pude notar como a esquerda está desesperada,pois utiliza seu tão conhecido método de acusar os bons dos crimes cometidos pela própria esquerda,tentando assim,intimidar os combatentes que avançam com a Contra-Revolução.
Seria bom que os esquerdopatas aprendessem a surfar,porque daqui para frente só virão as chamadas ondas azuis da direita.
Peço a Deus que voce,"Simon Bolivar" deixe de ser Comunista e converta-se ao Catolicismo,se não for possível mudança tão repentina,que você deixe de ser Comunista e passe a ser Socialista,deixe de ser Socialista e passe a ser Espiritualista,depois,deixe de ser Espiritualista e passe a ser Católico,se possível,depois de sua conversão,passe a ser um Católico integrante dos quadros da TFP.
Assim,de forma alopática ou homeopática,será curado da Revolução,obtendo a saúde que só o Catolicismo pode proporcionar.
Se isto acontecer,serás um verdadeiro Conservador,o qual só pode ser Católico.
Abraços

Esse D. Bertrand deveria, sim, trabalhar como qualquer brasileiro, ao invés de ficar metendo o bedelho e, asuntos como a reforma agrária, que ele repudia porque deseja restaurar um regime em que ele seria o proprietário de todas as terras e o povo seu escravo. Ele já teve uma oportunidade constitucional, democrática. Hoje, ao invés de adeptos, reune um magote de conspiradores.

Tsc, tsc, tsc. Simon, meu caro, realmente eu achava que você era mais inteligente.

Ninguém no Brasil é obrigado a trabalhar, lembre-se que seu estilo cubano de governo ainda não se instalou, graças a Nossa Senhora, no Brasil.

No mais, o que faziam Dirceu, Dilma e outros da esquerda durante a ditadura militar? Eles trabalhavam com qualquer outro brasileiro? Não, foram se meter em assuntos do governo. Pior, foram a luta ideológica armada, conspiratória, para a instauração de uma ditadura comunista no Brasil.

Dois pesos e duas medidas.

Por que exigir o fim das atividades de uns que, na legalidade, se dedicam a um ideal, e ao mesmo tempo aplaudir outros que na ilegalidade lutavam para implantar no Brasil o "paredón"?

Estava esperando um momento mais oportuno para comentar,mas como o ilustríssimo Príncipe D.Bertrand foi citado,me adianto à comentar em sua defesa.
D.Bertrand trabalha sim,mas não recebe dinheiro como paga e sim,a satisfação do dever cumprido perante Deus e a Pátria.
Tem ele o direito e o dever como Príncipe do Brasil,de defender os interesses nacionais,o que na prática não vemos os políticos de nossa república fazerem.
Na futura restauração monárquica,restaurar-se-á na verdade,um regime que aboliu a escravatura,coisa que a república não fez.
O direito de propriedade nunca foi ofendido no tempo do Império, está sim,sendo ofendido agora,pelos comunistas que estão no governo!
O Brasil,e não somente o Príncipe,teve uma oportunidade de restauração,mas os revolucionários sabotaram o plebscito de modo que este não manifestou a real vontade do povo.
Em se tratando de conspiração,conspirador é o que age nas sombras,mentindo e falsificando,como fazem os revolucionários,já os monarquistas agem às claras e com a verdade.
O senhor "Simon Bolivar" deveria manter uma postura mais educada,se me dá a licença de opinar!
Deus te proteja "Simon Bolivar" e lhe revele a verdade!
Parabéns Edson,pelas respostas inteligentes e sensatas!
Abraços

Não existe Príncipe do Brasil. A restauração monárquica é um sonho de alguns poucos ociosos. O plebiscito não foi sabotado. Justificar a vagabundagemde de um com a de outro, é fuga. De qual monarquia estamos falando? Só resta dela o tal do laudêmio (que vai se acabar na próxima reforma) e as terras sem função social que abtigam a luxúria de alguns sonhadores).

Já que o "senhor Simon Bolivar"parte para ofensas pessoais,escondendo-se no anonimato,deixo de responder aos seus comentários e lhe envio de volta a ofensa,fique com ela!

Agora, o Simom Bolivar foi muito agressivo. Não diria que o Prícipe vive do ócio e na luxúria. Esses termmos são impróprios.