Frase

"A Revolução Francesa começou com a declaração dos direitos do homem, e só terminará com a declaração dos direitos de Deus." (de Bonald).
São Paulo, domingo, 5 de junho de 2011

Câmara Municipal de Niterói aprova Moção de Repúdio ao artigo de Frei Betto

Autor: Edson Oliveira   |   10:52   4 comentários

Vereador João Gustavo (PMDB)

Conforme o site Deus le Voult, a Câmara Municipal de Niterói aprovou por 17 votos a 2 uma Moção de Repúdio (nº 000272/201) ao artigo de Frei Betto intitulado "Os gays e a Bíblia" publicado no jornal O Globo, no dia 23 de maio último, onde o religioso, para defender o pecado da prática homossexual, ataca e repúdia a Doutrina Católica.

O autor da moção é o vereador João Gustavo (PMDB) e a mesma pode ser lida no site da Câmara Municipal.

Segue abaixo o texto na íntegra.

Câmara Municipal de Niterói
Gabinete do Vereador JOAO GUSTAVO – PMDB
Moção nº 000272/2011

Concede Moção de Repúdio ao Frei Betto, em razão de seu artigo sobre Gays e a Bíblia, publicado no jornal o Globo dia 23 de maio de 2011.

Requeiro à Mesa Diretora, na forma regimental, que Câmara Municipal de Niterói, no exercício de suas prerrogativas, ouvindo o Douto Plenário MOÇÃO DE REPÚDIO ao Frei Betto, em virtude de sua defesa a casais homossexuais, conforme divulgado no Jornal o Globo.

Justificativa:

Como bem dito pelo Frei em seu artigo, a Igreja Católica não discrimina o homossexual. De acordo com seu Catecismo no parágrafo 2358, estes devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza. Evitando-se, assim, todo sinal de discriminação injusta, ainda porque em Jo: 4, 7, nos ensina a amarmos uns aos outros, porque o amor vem de Deus.

Insta dizer, e continuando, nos parágrafos 2357 e 2359 do Catecismo, embora não haja discriminação, apoiando-se na Sagrada escritura e na tradição, sempre declarou que atos de homossexualidade são intrinsecamente desordenados. São contrários à lei natural. Não origina, assim, o dom da vida. Em caso algum podem ser aprovados.

Portanto, embora, todos nós sejamos filhos amados de Deus, a prática da homossexualidade não deixa de ser contrária aos ensinamentos da Sagrada Escritura, por isso, embora amados, os homossexuais são chamados à castidade.

Em Romanos 1, 26 ao 28: “Por isso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Sua mulheres mudaram o uso natural em uso a natureza. Os homens também, abandonaram o uso natural da mulher, arderam em desejos um pelo outro, homem como homem, cometendo torpezas e recebendo em si mesmos a pagar por suas perversões.”

4 comentários:

Se eu fosse um municipe de Niteroi eu faria uma moção em repúdio ao vereador João Gustavo.
Ele é o exemplo que não se pode coadunar com doutrinas religiosas na política e da urgente necessidade de garantir um Estado laico pleno.
Ele é o exemplo de como se pode acobertar debaixo do manto da religião os maiores absurdos, disfarçar uma concepção preconceituosa, discriminadora e intolerante com uma fachada hipócrita de defensor de uma suposta "sagrada escritura", quando o que se faz é uma leitura tendenciosa e mal-intencionada desse texto [cuja autenticidade, originalidade, capacidade e competência em ordenar a sociedade contemporânea é discutível] para justificar tais concepções provindas do fanatismo e do fundamentalismo religioso.

Se eu fosse um municipe de Niterói eu apertava a mão desse vereador. Não podemos deixar que revolucionários, como o Frei Betto, usem das "Sagradas Escrituras" para deturpar os mandamentos da Lei de Deus.

Fidel Castro se apresentava com uma medalha de Nossa Senhora para assim melhor se apresentar para a Opinião Pública durante a revolução cubana. Depois ele mesmo se desfez da máscara de religioso e perseguiu como nunca os católicos e todos aqueles que se opusessem à ditadura comunista.

Hoje estão também querendo usar da Religião para instalar no Brasil uma Ditadura Homossexual. Por isso foi importante a tomada de posição da Câmara de Vereadores de Niterói que, na minha opinião, deveria ser a mesma em várias outras dessa nossa Terra de Santa Cruz.

É muito importante não deixar os revolucionários usarem máscara religiosa.

Parabéns à Câmara Municipal de Niterói.

Muito me admira, Beto, que sendo você um adepto da bruxaria, ouse falar em fanatismo, quando é sabido que as pessoas envolvidas com ocultismo pratica todo tipo de superstição pelo simples fato de ter lido em algum livro que aquilo talvez sirva para algum propósito obscuro...
Só gente como você para querer defender um frei que não é mais frei.

José Inácio, bom dia.

Considere a sua mão apertada.

João Gustavo