Frase

"A Revolução Francesa começou com a declaração dos direitos do homem, e só terminará com a declaração dos direitos de Deus." (de Bonald).
São Paulo, sábado, 15 de março de 2014

IPCO e outras associações protestam em frente ao teatro contra a peça "Jesus Cristo Superstar"

Autor: Edson Oliveira   |   14:53   1 comentário



No dia 14 de março de 2014, 40 pessoas representando as associações Devotos de Fátima, Sagrado Coração de Jesus, Brasil pela Vida e o Instituto Plinio Corrêa de Oliveira (IPCO) se uniram em frente do teatro do Instituto Tomie Ohtake onde foi estreada a peça blasfema e irreverente "Jesus Cristo Superstar".

Com a intenção de prestar um ato de reparação a Nosso Senhor Jesus Cristo, a manifestação pacífica começou às 19h30 com o canto do Credo e continuou com a recitação do terço até as 21hs. Duas horas antes do protesto diante do teatro, membros do IPCO fizeram uma campanha de distribuição de folhetos na avenida Faria Lima.

A petição online do site Defendo Jesus já obteve quase 36 mil assinaturas contra a realização da peça e o financiamento público cedido de forma indireta pelo Ministério da Cultura.

As manifestações ocorrerão na frente do teatro todos os dias em que houver a peça.

Confira as reportagens sobre esta manifestação na Folha de São Paulo e no Estado de São Paulo, apenas retificando que em momento algum os manifestantes tentaram impedir a entrada de pessoas no teatro, como informa erroneamente a redação do OESP.

Folha de São Paulo: Grupos católicos protestam na estreia do musical 'Jesus Cristo Superstar'

Estado de São Paulo: Católicos protestam contra musical sobre Cristo